Restos humanos aparentes encontrados perto do porto brasileiro para onde jornalista e pesquisador desaparecido se dirigiam

By | Junho 11, 2022



CNN

Equipes de busca no Brasil encontraram o que parecem ser restos humanos perto da área onde o jornalista britânico Dom Phillips e o especialista em Assuntos Indígenas Bruno Pereira estavam antes de desaparecerem, disse a polícia nesta sexta-feira.

“Material orgânico” que é “aparentemente humano” foi descoberto em um rio próximo ao porto de Atalaia do Norte, localizado na divisa do remoto Vale do Javari, no extremo oeste do estado do Amazonas, de acordo com um comunicado da Polícia Federal brasileira. . A polícia disse que coletou material genético de Pereira e Phillips para análise comparativa.

O casal foi dado como desaparecido pela primeira vez no domingo no Vale do Javari, e teria recebido ameaças de morte apenas alguns dias antes.

Phillips e Pereira realizaram pesquisas para um projeto de livro sobre os esforços de conservação na região, que as autoridades descreveram como “complicados” e “perigosos”.

A área está sob crescente ameaça de garimpeiros ilegais, madeireiros, caçadores e traficantes internacionais de drogas que exploram sua vasta rede de rios.

Na quinta-feira, a polícia federal disse que o sangue foi encontrado em um barco de propriedade do suspeito. O suspeito, que foi preso após ser encontrado na posse de “muitas drogas” e munições, foi preso na quarta-feira e permanece sob custódia, disseram as autoridades. Os materiais coletados do navio foram encaminhados à capital amazonense para análise forense.

Mais cinco pessoas foram interrogadas sobre o casal desaparecido, disse a polícia.

O Comitê de Crise da Polícia Federal disse que realizou uma “busca no rio e reconhecimento aéreo” no Rio Itaquaí nas últimas 24 horas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.